HomeExamesTratamentosDoençasLinksBuscaContatos
Exames e Tratamentos
Home
Dermatoscopia Digital
Mapeamento Corporal
Tricograma Digital
Fotobioestimulação com LED
Terapia Fotodinâmica
PUVA Terapia
Fototerapia com UVB - nb
Biópsia da Unha
Cadastre-se

Cadastre-se no nosso site e receba e-mails com novidades e informações.

Clique aqui

Doenças das Unhas PDF Imprimir E-mail

A unha é formada por células achatadas firmemente compactadas e altamente queratinizadas. Tem formato retangular, é translúcida e transparente. O tom rosado da unha é, na verdade, a cor rósea do leito ungueal que pode ser vista através da unha. A meia lua branca na base da unha é a parte mais externa da matriz que aparece através da lâmina ungueal.

            Esta lâmina se fixa nos tecidos e estruturas situados abaixo dela, todos envolvidos no desenvolvimento da unha e formam a unidade ungueal.

Esta unidade ungueal é composta:

Dobra ungueal proximal – é uma extensão da pele dos dedos e forma uma dobra que se estende superficialmente em relação a matriz.

Cutícula – é a camada córnea da dobra ungueal proximal, fica aderida à unha e serve para proteger a matriz. Na falta dela é freqüente ocorrer inflamação da matriz ungueal e, portanto, é desaconselhável remover ou empurrar a cutícula.

Matriz – é a parte que realmente forma a placa ungueal. É composta de células basais que sofrem divisão celular, se queratinizam. Parte da matriz se prolonga sob a placa ungueal e aparece como uma meia lua de cor clara na base da unha, chamada lúnula.

Leito ungueal – se estende da matriz até a extremidade distal e é uma superfície composta de epiderme e derme.

Hiponíquio – localiza-se na extremidade distal, na borda ungueal e uma camada fina de células córneas. Normalmente não é visível a não se em pessoas que roem a unha

            A unha cresce continuamente, com uma velocidade média de 0,05 a 1 mm por dia. Cresce mais rápido em jovens e em homens. As unhas das mãos crescem mais rápido que as unhas dos pés. Hábitos, como roer as unhas, aumentam a velocidade de crescimento e doenças graves, desnutrição, fumo e frio retardam o crescimento das unhas.

            Podemos encontrar alterações de cor nas unhas:

Coloração amarelada : infecções por fungos, psoríase, eczemas, uso de medicacações como penicilamina e tetraciclina. Quando ocorre em todas as unhas pode estar relacionado a distúrbios pulmonares e a linfedema.

Coloração verde : infecção por Pseudomonas aeruginosa.

Coloração preto amarronzada : normalmente é causada por aumento de pigmento nos melanócitos na matriz ou por funcionamento anormal dos melanócitos. Pode ocorrer em negros sem significar doenças e pode estar relacionada a presença de nevos(pintas) ou tumores ( melanoma ).

Coloração vermelho- arroxeada : a causa mais comum é o trauma, mas deve ser feito o diagnóstico diferencial com o melanoma.

Coloração branca :  se ocorrer de forma pontilhada pode ser conseqüência de trauma. Mas pode ocorrer em vitimas de infarto, doenças renais, doenças auto-imunes e cirrose hepática. Também esta presente em certas infecções fúngicas.

            As unhas podem manifestar anormalidades na sua estrutura.

Unhas quebradiças : ocorre divisão ou esfarelamento da unha, que pode ter como causas o ressecamento das pontas dos dedos e doenças como eczemas, psoríase, e líquen plano. Pode ainda ocorrer como manifestação de doenças internas como hipotireoidismo e deficiência de ferro (anemias).

            Uma manifestação freqüente nas unhas é a micose. Em princípio as unhas não são muito suscetíveis as infecções por fungos, mas podem ocorrer com grande facilidade quando estão danificadas por traumas ou até mesmo por manipulações da unha e da cutícula. Algumas doenças podem estar relacionadas com aparecimento da micose nas unhas, dentre elas: diabetes, distúrbios imunológicos, alteração da circulação das pernas e pés, entre outras. Vários são os agentes causadores, mas os mais comuns são a Cândida e os Tricophyton.  O diagnóstico pode ser confirmado por exame micológico direto e cultura do material retirado na unha. O tratamento pode ser localizado ou com o uso de medicação oral, dependendo do grau e intensidade de acometimento da unha e ainda do agente causador da micose.

 
< Anterior

SHLS 716 – Ed. Centro Clínico Sul – Torre II – Sala 319 - Cep. 70390-700 – Brasília – DF

Telefone/fax: (61) 3346 3673

Centro de Fototerapia e Dermatoscopia de Brasília © Todos os direitos reservados!
Desenvolvido por:
LC Designer & Support

Admin